Amor eu tenho um plano

Um casal e um cachorro na missão da Liberdade Financeira

“Dinheiro só é importante se for para você viver uma vida radicalmente feliz”

– Tyemi Souto

Quem somos nós?

Com 17 anos, há uns bons anos atrás, lemos um livro chamado “Pai Rico pai Pobre”. Depois dessa leitura a gente entendeu que vida tradicional de “trabalhar para pagar as contas” é bem limitada.

E que existe uma forma, de nós, classe média, atingirmos a liberdade financeira. Isso é, pararmos de trabalhar APENAS por dinheiro. A ideia é conseguir acumular um patrimônio (juntar dinheiro) durante alguns anos, investir e viver com a renda desse patrimônio para então dedicarmos nosso tempo ao que é mais valioso para a gente.

Somos desse tipo de gentinha que se acha capaz de ter vida de rico mesmo sem terem nascido ricos: sangue de pobre e meta de rico.

Mas acreditem!

Nós desvendamos o segredo das pessoas que conseguem parar de trabalhar ainda jovens para fazer somente o que amam da vida. E então criamos esse movimento chamado @amoreutenhoumplano para compartilharmos com vocês o que tem funcionado e principalmente o que não tem funcionado nessa viagem que é  fazer o dinheiro nos proporcionar uma vida radicalmente feliz.

Dinheiro serve para realizar sonhos

e é para isso que a gente tá aqui, compartilhar como fazemos isso.

Como aumentar a sua renda: falar de empreendedorismo!

Ganhar mais significa gerar mais valor. E quem gera mais valor hoje, em uma sociedade capitalista, é o emrpeendedor. Então para ganhar bem, uma das formas mais eficientes que conhecemos ´é empreendendo.

COmo gastar melhor e fazer sobrar para poupar

Muito mais que apenas cortar gastos e economizar a qualuqer custo, melhor é pensar em gastar bastante com o que valorizamos e não gastar nada com o que de fato não é importante. Pensar em um planejamento que faça a jornada ser boa

Como investir no longo prazo, atingir o FIRE e viver de renda

A gente acredita que riqueza não é renda, mas patrimônio. E acreditamos que qualquer pessoa pode se aposentar precocemente se tiver disciplina por tempo suficiente. E para isso é preciso aprender a investir em ativos.

Veja o que os mentorados do Matheus e da Tyemi dizem sobre eles.

Maryanne Vieira

Eu tinha uma vida descontrolada e sem esperanças, fadada a viver para trabalhar e pagar boletos e fazer mais dívidas. Hoje me vejo no final do mês com todas as contas pagas, sem usar cartão de crédito por consciência própria e comprando ativos. Vivo muito mais tranquila hoje, depois da Mentoria da Tyemi e do Matheus. Podendo pensar mais no que realmente me traz felicidade.

Débora Corrêa

Aprendi muita coisa, mas acredito que o mais importante foi perceber que eu vivia num círculo vicioso "trabalhar/gastar/trabalhar mais/gastar mais" pois usava o consumo como uma forma de prêmio ou consolo pelo tempo e energia perdidos no trabalho. Só que isso me fazia depender cada vez mais do meu trabalho e me sentir cada vez mais refém do meu estilo de vida e não me fazia feliz. Vivia apenas o hoje, sem me preocupar muito com o amanhã, realizava vontades imediatas, deixando os sonhos de lado, por falta de organização para realizá-los. Percebi que me organizando, tendo meus valores e metas claros, é possível ter uma vida mais leve, realizar meus sonhos e ser mais feliz.

Cláudia Plácciti

Eu agradeço imensamente por tudo, durante a mentoria fiz uma reflexão da minha vida,percebi que eu a muitos anos só fiz e pensei nos outros, no trabalho,na família. Não me achava no direito de sonhar e me colocar em primeiro lugar. Então gratidão, fora me educar financeiramente, acordei, vi que estou viva. Precisava te contar que o seu curso é muito mais do que uma educação financeira e projeto para FIRE. Para mim foi o "DESPERTAR".❤